Sábado, 25 Março 2017
PortuguêsEnglishEspañol
NEWSLETTER
Você está aqui: Turismo e Cultura > Lendas e Tradições
A MOURA DA PONTE DO FUMO

Junto ao rio Távora, na Ponte do Fumo, há uma fraga a que o povo chama Fraga da Moura. Contavam os mais antigos que aquela ponte foi feita pelos mouros, numa só noite. Ao verem-se obrigados a fugir com a perseguição dos cristãos, os mouros deixaram para trás uma moura encantada. A tomar conta dos filhos - dizem.

 

Há quem já a tenha visto, de longe, a cantar.

 

Diz-se que da cinta para cima é uma mulher linda, de uma beleza nunca antes vista ou imaginada. Mas da cintura para baixo é uma serpente, e os filhos são como ela.

 

Para a ver só se for de longe, pois ela, se vir gente, esconde-se. O certo é que ninguém se atreve a ir lá para o meio das grandes fragas  que lá existem e a nado também seria precisa grande coragem, pois há quem diga que ali existe um redemoinho de água e que, quem lá for, é chupado para os fundos do poço.

 

Criatura igual já foi vista, dizem, no Sabroso - chamam-na de mulher-cobra e aparece numa gruta que vai do Sabroso a Santa Leocádia.